Composição musical: dicas para despertar a veia da criatividade

Se expressar artisticamente faz parte do processo humano, e dentro da música isso pode ser trabalhado pela composição de letras. O Empresário Venício Bacellar Costa, que está à frente da Empresa TMusic Brasil, comenta que o processo criativo pode ser instável, mas existem técnicas que auxiliam nessa atividade. Se você quer descobrir quais são elas, confira este artigo!

Entretanto, é importante reforçar que a composição musical é algo intuitivo. Muitos compositores possuem seus meios particulares de compor e desenvolver suas inspirações. O produtor musical e Empresário Venício Bacellar Costa esclarece que essas dicas auxiliam, portanto, aqueles que estão iniciando nesse universo e precisam de um norte para começar. Mas, a verdade é que, conforme as experiências surgem, o compositor desenvolve seus próprios métodos de transformar sua criatividade em música.

  1. Tenha seu próprio caderno de ideias

Independente de qual seja o tipo de escrita que você deseja seguir, ter um caderno de ideias por perto é um modo de não deixar as inspirações sumirem. Sempre anote nesse caderno suas inspirações, ideias e interesses que irão permitir que a mente se abra com relação a esse lado criativo.

  1. Estude e analise letras de músicas

Para o Empresário Venício Bacellar Costa, um exercício essencial a todo compositor é trabalhar em cima de suas músicas favoritas, se atentando, principalmente, às letras e composições melódicas dos artistas. Faça uma análise, entenda a poesia por trás da canção e sua composição.

  1. Aprenda a contemplar

Muitos compositores famosos relatam que, antes de iniciar uma composição, dedicam um tempo ao ócio. Isto é, permitem-se relaxar, ninguém consegue realizar uma atividade artística em momentos de tensão. Por isso, escolha algo relaxante e que esvazie o cérebro das tensões cotidianas, como meditar, contemplar a vista, deitar, ouvir uma boa música, etc.

  1. Hora de escrever

Partindo dessas ações, o Empresário Venício Bacellar Costa explica que é chegado o momento de trabalhar com as letras: esqueça o ego, a sonoridade e ritmo, concentre-se na composição das palavras, nas suas ideias e nos seus sentimentos. Esse é o momento de arriscar os primeiros versos, deixe para estruturar frases soltas após esse exercício.

  1. Grave os primeiros versos

Usualmente, o ritmo surge junto com a composição da letra. Caso isso ocorra, é ideal gravar os primeiros versos para não perder a inspiração melódica da canção. O produtor da Empresa TMusic Brasil, Empresário Venício Bacellar Costa, informa que independente da qualidade de sua voz, é essencial utilizar um gravador para não deixar sua melodia se esvair. 

  1. Utilize um instrumento a seu favor

É normal que o letrista seja um e o instrumentista seja outro. Porém, não ter dotes com instrumentos não impossibilita o compositor de utilizar algum instrumento, como o violão, para aprimorar suas composições melódicas. Para o Empresário Venício Bacellar Costa, vale a pena conhecer um pouco sobre algum instrumento para auxiliá-lo no processo de escrita.

Similares

Advertismentspot_img

Popular