Centro de Inovação de Blumenau é inaugurado

O prédio fica no Campus 2 da Furb

A partir de agora, o CIB será o ponto de referência do projeto em execução do chamado Distrito de Inovação de Blumenau

Blumenau é a nona cidade a contar com um dos Centros de Inovação que integram a rede catarinense de fomento ao setor em todas as regiões. Com a presença do governador Carlos Moisés, o espaço foi inaugurado nesta quinta-feira (17) e já conta com mais de 90% de ocupação. “Blumenau já é uma cidade inovadora, temos aqui investimentos históricos com o Entra 21 e outras parcerias com o município e a universidade. Agora, o Centro de Inovação vem para fazer a sinapse de Blumenau, região e todas as outras estruturas da rede, gerando riqueza, emprego e renda”, frisa Moisés.

O presidente da Fapesc, Fábio Zabot Holthausen, afirmou que o Centro de Inovação vai unir empreendedorismo e inovação, características que se destacam na economia de Blumenau e região. Ele também enaltece a parceria com a Universidade Regional de Blumenau (Furb) e a contribuição histórica da instituição na formação de profissionais e geração de conhecimento. “O Centro de Inovação reúne tudo isso e o resultado é mais oportunidades e desenvolvimento. Quando todos os centros estiverem operando, esse benefício será potencializado em todas as regiões. A partir daí surgirão as ideias e negócios que vão transformar o modelo catarinense”, avalia.

Estrutura
O prédio que fica no Campus 2 da Furb tem uma área construída de 4,1 mil metros quadrados. São cinco andares. No térreo, a estrutura conta com uma recepção e auditório com capacidade para 150 pessoas. No segundo andar fica o mezanino com salas de reuniões e treinamentos, locais que poderão ser locados pelas empresas que estarão no CIB ou mesmo comunidade externa.

No terceiro e quarto andares estão os espaços reservados para empresas e entidades. Entre as que já garantiram seus locais estão a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Empreendedorismo (Sedec), Blusoft, além de várias companhias, como a Eletro Aço Altona, a Cia. Hering e a Viacredi. O quinto andar tem sala de reuniões e área para eventos, também disponíveis para locação para a comunidade externa. A entidade gestora do CIB é o Instituto Gene.

A partir de agora, o CIB será o ponto de referência do projeto em execução do chamado Distrito de Inovação de Blumenau, que engloba uma área de 3,4 quilômetros quadrados entre os bairros Itoupava Seca e Victor Konder, onde estão centralizadas universidades, incubadora, empresas de tecnologia, coworkings e outras instituições.

O Centro de Inovação Blumenau (CIB) integra a Rede Catarinense de Centros de Inovação. Ela é formada pelos CI de Lages (Orion Parque), CI de Jaraguá do Sul (Novale), CI de Videira ( Dante Martorano), CI de Caçador ( Inova Contestado), CI de Joinville (Ágora Tech Park), CI de Florianópolis (Acate), e os recentemente inaugurados Centro de Inovação Tecnológica de Chapecó – Prefeito Ledônio Migliorini, o Centro de Inovação Vale do Rio do Peixe – Inovale, em Joaçaba e agora o CIB.

Similares

Advertisment

Popular

O ar que me falta

Três razões tornaram a leitura do livro de Luiz Schwarcz uma experiência fulminante

BC estende acordo com Fed até fim de setembro

Contrato especial de swap vigorará por mais seis meses

Governo do RS divulga os primeiros vencedores do edital Techfuturo

Programa investirá R$ 5,6 milhões em 37 iniciativas